Internauta

Não será aceito conteúdo enviado com todas as letras maiúsculas.
A opinião dos internautas não reflete necessariamente a do site.
As informações desta página são de inteira responsabilidade dos colaboradores.
Todo material recebido será analisado e adequado a página antes de publicado.
ENVIE SUAS MENSAGENS

Expurgos Planos Econômicos

O prazo está acabando. Nos anos de 1987, 1989 e 1990 milhões de poupadores da caderneta de poupança deixaram de ganhar os rendimentos devidos, com a implantação dos planos econômicos BRESSER, VERÃO e COLLOR.
De lá para cá, o Judiciário tem reconhecido o direito dos poupadores à devolução destes rendimentos não creditados à época. Para os que tinham caderneta de poupança iniciadas ou renovadas até 15.06.87, o prazo para pleitear esta devolução junto ao Judiciário termina em Maio de 2007.

Por tratar-se de prazo prescricional, é improrrogável, isto é, as pessoas que tiveram caderneta de poupança no ano de 1987 têm até 31.05.07 para fazer jus aos seus direitos.

Calcula-se que há ainda a soma considerável de R$.1,9 trilhão (hum trilhão e novecentos milhões de reais) à disposição dos poupadores nos bancos, à espera de que os interessados pleiteiem seus direitos junto ao Judiciário.
Embora não seja possível estimar o tempo de demora de um processo, os bancos têm se mostrado muito propensos a acordos.
Nome: Dra. Vânia Melo Araújo
Copyright © 2002-2017 Rudgesbc.com.br - Todos os direitos reservados. | Devenvolvido por Jon Levischi